Futuros Possíveis/ Possible Futures

Simpósio Internacional/International Symposium


Deixe um comentário

Armazenando a si: sobre a produção social dos dados / Storing the Self: about the social production of data

Nos últimos anos o termo “Big Data” tem sido usado para referir-se  ao potencial industrial, econômico e social da disponibilidade, cada vez maior, de dados em uma escala sem precedentes. O surgimento da indústria dos Data Center, que permitem armazenar, preservar e fornecer acesso a essas informações também está diretamente ligado a um fato importante: a produção de dados em grande escala tornou-se pela primeira vez um resultado direto da atividade social. A partir de imagens de vídeo, e atualizações de status para localização ou dados biométricos produzidos por dispositivos pessoais, temos uma nova fonte de material para mapear e ler as dinâmicas sociais em grande escala. Esta apresentação irá analisar as diferentes narrativas que estão sendo projetadas sobre o valor e o potencial de garimpar esses dados.

/

In recent years the term “Big Data” has been used to refer to the  industrial, economic and social availability, increasingly, data on an unprecedented scale potencial. The emergence of the Data Centre’s  industry’s , which allows to store, preserve and provide access to this information is also directly connected to one important fact: the production of large-scale data became first a direct result of social activity. From video images, and status updates to location or biometric data produced by personal devices, we have a new source of material to read the map and social dynamics on a large scale. This presentation will examine the different stories that are being projected on the value and potential to mine these data.

José Luis de Vincente

<div style=”margin-bottom:5px”> <strong> <a href=”http://www.slideshare.net/futuros_possiveis/joseluis-14775740&#8243; title=”José Luis de Vicente – Armazenando a si: sobre a produção social dos dados / Storing the Self: about the social production of data” target=”_blank”>José Luis de Vicente – Armazenando a si: sobre a produção social dos dados / Storing the Self: about the social production of data</a> </strong> from <strong><a href=”http://www.slideshare.net/futuros_possiveis&#8221; target=”_blank”>Simposio Internacional Futuros Possíveis | International Symposium Possible Futures</a></strong> </div>


Deixe um comentário

José Luis de Vicente

José Luis de Vicente é um pesquisador cultural, curador e escritor com base em Barcelona. Ele é do programa Visualizar em Dados Culturais e Vizualizaçao de Informaçao na Medialab Prado, Madrid. Ele é um dos fundadores do ZZZINC, um escritório para pesquisa cultural e inovação, e foi curador do New Media Art e exibições, festivais e simpósios de Design para organizações e centros como Reina Sofia (Madrid), LABoral Centro de Arte (Gijón), CCCB (Barcelona), Sónar Festival, ArtFutura, OFFF, e outros.

/

José Luis de Vicente is a cultural researcher, curator and writer based in Barcelona. He is the director of the Visualizar program on Data Culture and Information Visualization at Medialab Prado, Madrid. He is one of the founders of ZZZINC, an office for cultural research and innovation, and has curated New Media Art and Design exhibitions, festivals and symposiums for organizations and centers like Reina Sofia (Madrid), LABoral Centro de Arte (Gijón), CCCB (Barcelona), Sónar Festival, ArtFutura, OFFF, and others.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 28 outros seguidores